26
Jan 09

Neve e mais neve! =')


E um 16,5 a matemática veio deixar-em feliz feliz feliz!!!!! *


E amanhã voltarei para Lisboa... voltarei para a cidade que me está acolher...ams que eu não acolho no coração...



/Lara/

 

 


20
Jan 09

 

Com uma amigdalite.

 

 

Com uma frequência de Sociologia amanhã.

 

 

Com a frequência de Matemática feita.

 

 

Com a frequência de Anatomia a chegar.

 

 

Não sei para onde me virar. Isto não está fácil para estes lados. Muita febre e tanta coisa para estudar para a qual não consigo concentrar-me... Vai ser bonito...

 

 

Ainda gostava de saber quem foi o inteligente que se lembrou de dizer que ser estudante era a melhor profissão do mundo.

 

 

 

[Cai neve na Guarda. Um daqueles nevões à antiga em que as escolas foram fechadas e não houve aulas paraninguém. E, ao contrário de antigamente, eu não estou lá...=/ ]

 

 

 

/Lara/


10
Jan 09

Na Guarda...rodeada de neve. a sOrrir... com todOs ao meu ladO!*


E fartinha de estudar Anatomia...





/Lara/


29
Nov 08

Porque é oportuno hoje também postar este poema lindíssimo de Augusto Gil...


 

Balada da Neve


"Batem leve, levemente,
como quem chama por mim.
Será chuva? Será gente?
Gente não é, certamente
e a chuva não bate assim.


É talvez a ventania:
mas há pouco, há poucochinho,
nem uma agulha bulia
na quieta melancolia
dos pinheiros do caminho…


Quem bate, assim, levemente,
com tão estranha leveza,
que mal se ouve, mal se sente?
Não é chuva, nem é gente,
nem é vento com certeza.


Fui ver. A neve caía
do azul cinzento do céu,
branca e leve, branca e fria…
Há quanto tempo a não via!
E que saudades, Deus meu!


Olho-a através da vidraça.
Pôs tudo da cor do linho.
Passa gente e, quando passa,
os passos imprime e traça
na brancura do caminho…


Fico olhando esses sinais
da pobre gente que avança,
e noto, por entre os mais,
os traços miniaturais
duns pezitos de criança…


E descalcinhos, doridos…
a neve deixa inda vê-los,
primeiro, bem definidos,
depois, em sulcos compridos,
porque não podia erguê-los!…


Que quem já é pecador
sofra tormentos, enfim!
Mas as crianças, Senhor,
porque lhes dais tanta dor?!…
Porque padecem assim?!…


E uma infinita tristeza,
uma funda turbação
entra em mim, fica em mim presa.
Cai neve na Natureza
e cai no meu coração."


Magnífico! =)



/Lara/


 

E sim! Neva na Guarda!

A neve que há tanto tempo ansiávamos, aquela de quem tínhamos tantas saudades..finalmente voltou!


E como é bom estar em casa, a ver a neve a caír, e, por entre os flocos de neve, ir bebericando um chocolate quente feito pela mamã... como é bom regressar a casa.

Esta neve cristalina e tão pura que traz com ela todas as lembranças de infância, as boas e as más, em que tu estavas, meu anjo.


Como sinto a tua falta.... ontem quando te fui "visitar" doeu. Doeu ver que foste uma das melhores pessoas que conheci e que agora já ninguém se lembra de ti. Merecias mais. Muito mais.




/Lara/

rabiscado por Lara às 11:21
um pOuco: quente e com neve! =D
neste momento....: Please don't leave me - Pink

Agosto 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Nós...
Daisypath Anniversary Years Ticker
quanTos me viSitam* xD
Free Web Counters
Free Counter
o que queRes descObrir?!
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

xD
Os Posts mais rabiscados*
4 comentários
3 comentários
2 comentários
1 cometário
blogs SAPO