07
Dez 08

É, por vezes, a vida é injusta. Tão injusta que nos apetece fugir. Que parece um pesadelo do qual queremos acordar o mais rápido possível.


Foi assim contigo, meu anjo. Podia mentir e dizer que já ultrapassei. Podia dizer que já me conformei com a tua perda e que já estava a seguir com a minha vida para a frente. Podia dizer, sim. Mas estaria a mentir.

A vida continua, mas o passado ainda não o é. Ainda não ultrapassei a forma estúpida como sofreste até ao fim. A forma estúpida como ele te tratou sem mereceres. Porque eras a pessoa mais fantástica do mundo e merecias que ele te rastejasse aos pés, merecias que ele se sentisse abençoado por ser teu filho.


Tenho saudades tuas meu anjo. Sei que, em algum lugar,estás a olhar por mim. Tenhoa minha estrelinha a piscar, cintilante, como mais nenhuma.




/Lara/

 

rabiscado por Lara às 17:44
neste momento....: Everything I do...

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.


Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11

14
17

21
22
23
24
25
26
27

29
30


o que queRes descObrir?!
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os Posts mais rabiscados*
22 comentários
21 comentários
14 comentários
13 comentários
11 comentários
10 comentários
10 comentários
10 comentários
9 comentários
9 comentários
blogs SAPO